O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) é um órgão do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) responsável por fomentar as atividades de pesquisa científica e tecnológica e a formação de pesquisadores no país.

Para isso, o CNPQ oferece várias modalidades de “bolsas” e “auxílios” pecuniários. As Bolsas estão divididas entre “Bolsas Individuais” e “Bolsas por Quota” e são oferecidas a alunos de diversos níveis acadêmicos (Ensino Médio, Graduação, Pós-Graduação, Recém-doutores e Pesquisadores já experientes), enquanto o Auxílio é destinado a intercâmbios científicos, publicações científicas, entre outras atividades relacionadas à pesquisa.

Mestrados CNPq 2017 e 2018

Mestrados CNPq 2017 e 2018

Aos cursos de Mestrado são oferecidas as chamadas “Bolsas por Quota” que devem ser solicitadas diretamente à respectiva instituição e não ao CNPq. O órgão dita apenas as normas gerais e específicas que regem cada tipo de bolsa, mas é a universidade que determina os critérios e mecanismos para a sua obtenção.

publicidade:

Em relação às normas do CNPq, é obrigatório que o programa cursado esteja cadastrado no órgão e tenha sido avaliado pela CAPES com conceito igual ou superior a 03 e que o orientador do curso seja habilitado pelo CNPq.

O aluno que deseja pleitear a bolsa, além de observar os critérios acima, também precisa dedicar-se exclusivamente às atividades acadêmicas e de pesquisa, ser selecionado e indicado pela coordenação do curso, não ser aposentado e não receber remuneração proveniente de vínculo empregatício ou funcional, durante o período da bolsa, exceto professores substitutos em instituição pública de ensino superior e docentes e pesquisadores de instituições de ensino e pesquisa, matriculados em cursos com conceito acima de 05.

publicidade:

A bolsa tem duração, improrrogável, de até 24 meses.

Para maiores informações entre em contato com o órgão e consulte os critérios adotados pela instituição desejada.

Distrito Federal

CNPQ

Coordenação de Operação das Bolsas por Quotas – COOBQ
SEPN 509, Bloco “A”, Ed. Nazir I, Térreo
70.750-901 – Brasília – DF
Telefones: (61) 2108-9586, 2108-9809
Fax: (61) 2108-9937

e-mail: [email protected]

publicidade:

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) foi criada em 1951 no início do segundo governo Vargas que, buscando criar uma nação independente e desenvolvida através de uma industrialização pesada e de uma administração pública complexa, percebeu a imediata necessidade de profissionais qualificados em diversos setores de atividade e optou por investir na formação de pesquisadores, cientistas e especialistas.

Durante os anos, a CAPES foi modificando-se e moldando-se à realidade política e educacional do país. No período da ditadura, o órgão subordinava-se diretamente à Presidência da República e teve sua diretoria e localização alteradas.

Mestrados CAPES 2017 e 2018

publicidade:

Com a ascensão da Nova República, entre 1982 e 1989, a CAPES viveu um período de estabilidade e , em 1995, foi reestruturada para se tornar responsável pelos cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu (Mestrado e Doutorado) no país.

Atualmente, a agência também é responsável por incentivar, induzir e fomentar a formação inicial e continuidade de professores para a educação básica, além de atuar em mais 03 linhas de ação.

Mestrados CAPES 2017 e 2018

Referente aos cursos de Mestrado, toda e qualquer Instituição Pública de Ensino Superior, que deseje implantar um Programa de Mestrado em sua grade curricular, precisa ter seu projeto autorizado e recomendado pela CAPES antes de oferecê-lo à população. Além disso, a CAPES acompanha os cursos anualmente e, a cada três anos, emite um parecer, através de notas, atestando a qualidade de cada curso.

publicidade:

O órgão também oferece vários tipos de bolsas para acadêmicos de cursos de Mestrados, entre vários outros.

Para mais informações, entre em contato com a instituição.

Brasília

CAPES

Setor Bancário Norte, Quadra 2, Bloco L, Lote 06

CEP 70040-020 – Brasília, DF

Telefone: 0800 616161

publicidade:

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) é uma agência de fomento à pesquisa científica e tecnológica, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Governo do Estado de São Paulo, que através de Bolsas e Auxílios a Pesquisa, estimula o crescimento e o desenvolvimento do segmento em diversas áreas de atuação.

Mestrados FAPESP 2017 e 2018

As Bolsas são destinadas a alunos de Graduação e Pós-Graduação, enquanto os Auxílios se destinam a pesquisadores.

Atualmente, existem três linhas de financiamento:

Na chamada Linha Regular os recursos são investidos em projetos apresentados por iniciativas dos estudantes.

publicidade:

Nos Programas Especiais, o Sistema de Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo determina as áreas de pesquisa de acordo com a demanda da instituição e do país. Na última linha, o Programa de Pesquisa para Inovação Tecnológica, os projetos relacionados ao desenvolvimento de novas tecnologias e de aplicação prática são o alvo.

publicidade:

Mestrados FAPESP 2017 e 2018

As Bolsas de Mestrado são destinadas a alunos de cursos de Mestrado matriculados em instituições públicas de ensino superior do Estado de São Paulo com o objetivo de auxiliar no desenvolvimento de pesquisa que resulte em dissertação. O orientador precisa ter título de “doutor” ou possuir qualificação superior e caberá a ele, a responsabilidade de projeto, apesar de o aluno participar intensivamente de sua elaboração.

A duração máxima da bolsa é de 24 meses e o valor, entre R$1.477,20 e R$1.568,40.

As solicitações, geralmente são realizadas duas vezes por ano, no início do primeiro e segundo semestre. Os interessados deverão solicitar a bolsa por meio elétricos, através do Sistema de Apoio a Gestão (SAGe) da FAPESP.

Para maiores informações, entre em contato com a instituição e lei as normas que regulamenta todo o processo.

São Paulo

FAPESP

R. Pio XI, 1500 – Alto da Lapa

CEP 05468-901 São Paulo/SP – Brasil

Tel: (+55) 11 3838-4000 Fax: (+55) 3645-2421

publicidade:

A Fundação Universitária Iberoamericana (FUNIBER) foi fundada em 1997, em Barcelona, na Espanha, com o objetivo de difundir o conhecimento europeu e latino-americano, através da formação internacional de profissionais qualificados. A instituição, apesar de promover uma formação global, respeita a identidade local de cada país.

A instituição atua em 03 eixos centrais: A criação de Mestrados e cursos a distância, A promoção de projetos de cooperação internacional, pesquisa, desenvolvimento e inovação e o Desenvolvimento de soluções de formação sob medida para empresas.

Mestrados FUNIBER 2017 e 2018

Atualmente, a fundação está presente em 25 nações e mais de 45 universidades, tanto européias quanto latino-americanas, estão associadas à instituição.

publicidade:

Através da FUNIBER é possível realizar cursos de Especialização, de Extensão Universitária, Doutorado e Mestrado.

No âmbito dos Mestrados há cursos nas áreas “Ambientais”, da “Saúde e Nutrição”, “Esporte”, “Tecnologias”, “Turismo”, “Projetos, Prevenção, Qualidade, Engenharia”, “Arquitetura, Desenho e Urbanismo” e “Organização Empresarial, Desenvolvimento Diretivo e RH”.

publicidade:

Mestrados FUNIBER 2017 e 2018

A FUNIBER também oferece Bolsas que podem ser solicitadas em qualquer sede ou diretamente no endereço eletrônico da instituição.

Critérios como idoneidade, experiência acadêmica e profissional, renda pessoal e familiar, entre outros são levadas em consideração para a concessão da bolsa.

Para maiores informações entre em contato com instituição no Brasil ou acesse o site.

Santa Catarina

Sede Central – Florianópolis

Rua Vento Sul, 126. Campeche.
Florianópolis/SC – Brasil – CEP:88063-070
Fone/Fax: 55 (48) 3239.0000
Informações: 0800 644 4004 – 0300 140 4040
[email protected]

São Paulo

Escritório – São Paulo

R. Augusta, 1371. Loja 10. Consolação.
São Paulo/SP – Brasil – CEP:01305-100
Informações: 0800 644 4004 – 0300 140 4040
[email protected]

publicidade:

Fazer um curso de graduação é o que a grande maioria gostaria de fazer ao sair da escola. Mas como disse, trata-se de uma grande maioria, porque por mais que você saiba agora, há possibilidade de uma pessoa pular a graduação e ir direto ao mestrado. Um caso estranho, mas que é possível é.

E para comprovar, podemos ter de exemplo, três casos de garotos que estão seguindo essa experiência, e que fora mostrada e divulgada pelo site do IG.

Alunos não fazem faculdade e vão direto para o Mestrado

Alunos não fazem faculdade e vão direto para o Mestrado

São eles: Hugo Fonseca Araújo, de 19 anos, ainda no 2º ano da faculdade, já está no mestrado. Renan Henrique Finder, da mesma idade, iniciou primeiro o mestrado em 2010 e só este ano entrou na graduação. O caçula Matheus Seco, 18, está no 1º ano do curso superior, mas já dá aulas em cursinho.

publicidade:

Esses três são casos de exceções, no qual, significa que não é qualquer um que pode chegar no curso de mestrado e querer se inscrever. E nem é o caso deles, porque eles só estão nessa etapa devido a excelência nos estudos que os acompanham desde quando eram mais novos.

Os três sempre participaram de Olimpíadas Brasileiras de Matemática ou representantes do Brasil em competições internacionais. No caso de Renan, ele participou das Olimpíadas Brasileiras de Matemática desde a 6ª série, quando se mudou para Joinville com a família. Desde então, era convidado para a reunião anual de medalhistas no Rio de Janeiro e foi em uma delas que ouviu falar pela primeira vez na possibilidade de avançar nos estudos e iniciar pesquisas na área.

publicidade:

Em 2009, prestou a primeira fase do vestibular na Universidade de São Paulo (USP) e na Universidade de Campinas (Unicamp), mas foi convidado a ingressar no Impa e se mudou para o Rio antes mesmo da segunda etapa do processo seletivo nas instituições paulistas, em janeiro de 2010. E só em 2011 começou a graduação.

publicidade:

Para os brasileiros que sonham em realizar um curso de Mestrado no exterior existem muitas opções, mas também existem muitos obstáculos.

Há centenas de países e instituições de ensino superior espalhadas pelo mundo a fora e não é nada fácil decidir em qual estudar.

As despesas com o curso, com o transporte, moradia e alimentação são bastante altas e nem todos podem arcar com elas.

O pleno domínio da língua é extremamente necessário para a candidatura e a realização do curso.

Mestrado no Exterior 2017 e 2018

Deixar família e amigos também não é nada fácil e a adaptação em outro país com outra cultura, outro clima e outra realidade pode ser extenuante.

publicidade:

Mas se mesmo assim, o desejo ou a necessidade de estudar fora forem maiores, o primeiro obstáculo a ser ultrapassado é a escolha da universidade.

A escolha do país dependerá da língua ou das línguas que cada candidato domine, mas a escolha da instituição necessitará de um pouco mais de pesquisa. É preciso verificar com cuidado os pré-requisitos do processo seletivo, as linhas de pesquisa de cada programa, os métodos de ensino e a qualidade de cada instituição.

publicidade:

Para aqueles que não possuem conhecimento em outra língua, mas desejam uma formação no exterior, Portugal é melhor opção, pois não há grandes diferenças entre o Português daqui e o de lá.

Mestrado no Exterior – Programas

Confira abaixo algumas instituições espalhada pelo mundo que possuem programas de Mestrado em sua grade curricular.

Argentina

UNCUYO

Rectorado, Centro Universitario, Parque General.
San Martín, Ciudad de Mendoza
Tel: (54) 0261- 4494029  /  4135000
Fax: 0261- 4494127
[email protected]

Espanha

Universidade de Jaén
Campus Las Lagunillas s/n | 23071 – Jaén
Tel: +34 953 21 21 21
Fax: +34 953 21 22 39 | [email protected]

EUA

Universidad Internacional Iberoamericana
Ave. Jose A. Cedeno, nº 521, Arecibo, PR 00612
Telefones: 1-787-878-2126 / 1-787-878-2123

Itália

Università Politecnica delle Marche
P.zza Roma 22, 60121 Ancona
Tel (+39) 071.220.1
Fax (+39) 071.220.2324

Portugal

Instituto Piaget
e-mail: [email protected]

publicidade:

A Universidade Federal de São Carlos é uma universidade federal muito conceituada e conhecida em todo o Brasil. Ela localiza-se no interior do estado de São Paulo e possui três diferentes campi sendo que o primeiro e principal fica em São Carlos, outro em Araras e por fim o campi de Sorocaba.

Mestrado de Química na UFSCAR 2017 e 2018

Veja também: Bolsas de Mestrado e Doutorado Terão Aumento em 2017 e 2018

Lá são ministrados diferentes cursos, com toda a infra-estrutura e professores capacitados que são necessários para formar um bom profissional.

É no campi de Araras que podemos encontrar o curso de graduação de Química, que é um curso muito procurado e que abrange diferentes áreas dando ao estudante opções de seguimentos futuros.

Partindo disso é que falaremos sobre o mestrado de química da UFSCAR que vem ganhando cada vez mais destaque por ser um dos melhores do Brasil.

publicidade:

Mestrado de Química na UFSCAR

Na UFSCAR o aluno pode optar por fazer mestrado acadêmico em áreas como:

  • Química Orgânica
  • Físico Química
  • Química Inorgânica
  • Química Analítica

A universidade também disponibiliza mestrado profissional em duas áreas:

publicidade:
  • Área de Ensino de Química
  • Química Tecnológica

As provas para ingressar no mestrado da UFSCAR são feitas sempre antes do início do período letivo para que possa ser realizado com calma e seriedade.

É realizado um exame com questões da área para os alunos que já possuem um diploma de curso superior completo e desejam ingressar no mestrado. Lá será testado o conhecimento que o aluno adquiriu ao longo do curso superior e verificado se ele está realmente apto para o próximo passo.

Mestrado na UFSCAR 2017 e 2018

A realização do exame para ingressar no primeiro semestre de 2017 já aconteceu e as relações de nomes dos aprovados podem ser vistas no site da universidade. Lá você também pode conferir as disciplinas aplicadas para o período letivo, além de todas as regras quanto à apresentação de seminários, freqüência nas aulas e outras informações acadêmicas.

Para o segundo período letivo do ano as inscrições para os exames do mestrado acadêmico começarão no dia 01 e irá até o dia 22 de junho e a prova será realiza no dia 3 de julho. Já para o mestrado profissional as inscrições serão feitas do dia10 a16 de julho e a prova aplicada no dia 18 de julho.

Se você tiver interesse não deixe de ficar de olho no site da UFSCAR  para poder começar seu mestrado e se tornar um profissional ainda mais qualificado!

Fonte: Site PPGQ- UFSCAR

publicidade:

Quem é que não tem interesse em conseguir uma bolsa de mestrado ou doutorado seja para qualquer setor do cursos em que a pessoa tenha vontade de fazer não é mesmo?

De acordo com informações, é necessário que todos estejam ligados, pois as bolsas pagas pelo governo federal e para os estudantes dos cursos de pós-graduação em ensino amplo irão ter um reajuste de 10% a partir de 1.º de julho.

Subir na vida, e crescer profissionalmente! O Mestrado ou Doutorado é sua passagem para realização profissional.

Bolsas de Mestrado e Doutorado terão aumento

publicidade:

Bolsas de Mestrado e Doutorado terão aumento – Motivo

Segundo o site estadão, haviam valores nos quais eles estavam congelados faziam quatro anos, no caso dos mestrandos, eles irão passarão a receber desta vez, um valor em média a R$ 1.320 mensais e no caso dos doutorandos, o valor de R$ 1.980.

Quando se fala em reajustes a valores de estudos, as pessoas sempre se assustam em alguns casos, ou seja, em muitas ou na maioria das bolsas, as pessoas sempre querem ainda mais desconto pelo fato de nem sempre terem a condição de pagar pelo curso que está fazendo.

publicidade:

No início do ano, deverá ocorrer uma correção em relação a bolsa para que seja reposto inflação.

Para 2018, haverá sim um reajuste da bolsa de Mestrado e Doutorado, porém ainda não divulgaram a data exata, mas que cogita-se da informação sobre o aumento, em sem dúvidas será algo importante para aqueles que realmente buscam o melhor através dos cursos e faculdade.

publicidade: